RIO TAPAJÓS

terça-feira, 22 de maio de 2018

MORADORES RECLAMAM DE CONSUMIREM ÁGUA CONTAMINADA PELA CELPA.

A denuncia foi feita no Plenário da Câmara de Itaituba na manhã desta terça feira, dia 22, pelo vereador Peninha. O edil disse que foi procurado por moradores da 11ª Rua do Bairro da Floresta, que estão reclamando que seus poços estão contaminados por óleo diesel da Celpa. 


Peninha lembrou que esta situação vem se arrastando há mais de 10 anos e até hoje a Celpa Equatorial não resolveu a situação destas famílias. Afirmou que os moradores vinham usando água do poço localizado dentro das dependências da Celpa, no Bairro da Floresta. Porém, nos finais de semana e feriados, são proibidos a pegarem água ali, Com isso voltam, a usar água contamina dos poços ou são obrigados a andarem vários quarteirões para pegar água saudável.

O parlamentar destacou que devido o consumo de água contaminada por combustível, já tem morador com sequelas, como o caso da Senhora Maria Eunice Ferreira de Souza. Ela mora há mais de 18 anos na 11ªRua do Bairro da Floresta e está fazendo tratamento no Mato Grosso.
A situação é antiga, frisou Peninha. Todos os poços da redondeza das dependências da Celpa estão contaminados. Ali, a antiga Celpa, matinha uma estação geradora de energia termoelétrica, que usava uma grande quantidade de óleo diesel e ao passar do tempo, houve a contaminação do lençol freático e consequentemente da água dos poços dos moradores da 11ª Rua do Bairro da Floresta, onde está localizada a estrutura da Celpa. 
Também, no Bairro Jardim das Araras, onde existia uma estação termoelétrica da Celpa e que hoje está desativada, os moradores reclamam que seus poços estão contaminados, ressaltou Peninha.

A empresa até hoje não deu uma solução para o problema. Apenas permitiu que os moradores possam coletar agua no poço dentro das dependências, porém, nos finais de semana fecham os portões e ninguém pode pegar água no poço da empresa.  

Os moradores, em torno de 20 famílias, agora, não querem apenas pegar água ali ou receber água mineral, ou a perfuração de um poço artesiano para atende-los. Contrataram um advogado e querem indenização pelos danos e sequelas que estão sofrendo pela contaminação.
O vereador Peninha disse que já entrou em contato com o Reitor da IFPA, Professor Lucivaldo Figueira para que a instituição colete amostras de água nos poços dos moradores e faça uma analise laboratorial para conhecer o grau, nível de contaminação da água por óleo diesel. O pedido está sendo encaminhado através da Câmara de Vereadores de Itaituba.
Por outro lado, a Câmara de Itaituba e o advogado dos moradores vão realizar uma reunião com representantes da empresa para discutirem o problema e encontrar uma solução. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário