RIO TAPAJÓS

quarta-feira, 20 de agosto de 2014

FRIGORIFICO FOI FECHADO POR PERSEGUIÇÃO.

Empresario João Altevi do Prado
Na manhã desta terça feira, dia 20, o empresário João Altevi do Prado, proprietário do Frigorifico FRIARA, esteve na Câmara de Vereadores de Itaituba, quando usou a tribuna para falar sobre o fechamento de seu frigorifico e pedir apoio dos vereadores no sentido de reabrir.
João Altevi disse que o frigorifico FRIARA foi fechado por perseguição, e acusou que o Poder Executivo está por trás desta ação. Disse que a Prefeita Eliene Nunes e o Secretario Municipal de Agricultura de Itaituba, Gregório Souza estiveram em Belém, onde pessoalmente pediram a suspensão na ADEPARÁ das guias – GTA do frigorifico Friara.
Altevi falando aos vereadores, acusou um esquema para prejudica-lo. Disse que na SEMAGRA de Itaituba, existe uma  veterinária, que é irmã do veterinário que presta serviço ao meu concorrente, no frigorifico FRIVATA, é quem arma toda esta perseguição.
O mais grave, foi a denuncia que Altevi fez contra a administração municipal, acusando que hoje a prefeitura está funcionando em um prédio de propriedade do proprietário do frigorifico FRIVATA, seu concorrente, que é o mais interessado no fechamento do frigorifico Friara. Ali é o local onde a prefeita Eliene Nunes despacha.
Para o vereador Peninha, o relato feito pelo empresário João Altevi, deixa claro, que o fechamento de seu frigorifico foi questões politicas e mais ainda. Compromisso de campanha que estão sendo resgatados. Em vez de a prefeita está trazendo investimento para Itaituba, está fechando e causando mais desemprego. Com o fechamento do frigorifico Friara, serão demitidos 56 pais de famílias, que diretamente trabalham ali e foram preparados para aquele tipo de trabalho, lembrou o vereador Peninha.
O seu sobrinho vereador, Iamax Prado aliado da prefeita Eliene Nunes, usou a tribuna e saiu em defesa do tio João Altevi. Iamax deixou claro, que se tiver que escolher entre Eliene Nunes e João Altevi, vai ficar do lado do tio até a morte, inclusive usando uma palavra pejorativa: Vou até pra “PORRADA”, pelo meu tio João Altevi.
O que mais revoltou alguns vereadores, foi a atitude do Secretario Municipal de Agricultura, Gregorio Souza, não ter atendido um grupo de vereadores, que em companhia do empresário João Altevi esteve na secretaria. Para os vereadores, foi uma falta de respeito com os edis. Já para a vereadora Célia Martins, vice líder do governo na Câmara, o secretario não atendeu porque não havia sido marcada a audiência em sua agenda.
A verdade é que o frigorifico Friara está fechado por determinação judicial, em decorrência de solicitação da SEMAGRA  e da própria prefeita Eliene Nunes. Com isso, apenas um frigorifico está abatendo gado e o preço vem aumentando, por não haver concorrente. Entretanto, estão sendo feito abates clandestinos, tanto na cidade, como no Distrito Municipal de Miritituba.

Nenhum comentário:

Postar um comentário