RIO TAPAJÓS

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

AUDIÊNCIA DISCUTE PERMISSÃO PARA LANCHAS NA LINHA SANTARÉM-ITAITUBA

Na manhã de hoje, foi realizada no Plenário da Câmara Municipal de Itaituba, que estava lotado, uma audiência pública para discutir as permissões para as linhas das lanchas no trecho Santarém-Itaituba-Santarém. A audiência foi provocada pelos vereadores Luiz Sadeck – o Peninha, Isaac Dias e Iamax Prado e contou com a presença do promotor de justiça de Itaituba, João Batista de Araújo Macedo Cavalheiro Junior; Procurador do Município, Dr.
José Ricardo Moraes da Silva; Deputado Estadual Antônio Rocha; Presidente da Câmara de Vereadores de Santarém, Henderson Pinto; Presidente da Câmara de Vereadores de Aveiro, Raimundo Ronilson Ferreira de Souza; Representante do CDL de Santarém, Gentil Gonçalves; do CDL de Itaituba, Davi Menezes; proprietários das lanchas, Erlon Rocha e Hilário Coimbra, além de vereadores de Aveiro e de Itaituba e populares da cidade de Itaituba e de comunidades localizadas nas margens do Rio Tapajós, por onde passa a linha das lanchas no trecho Santarém-Itaituba.
Gentil Gonçalves CDL Santarém
A reunião foi presidida pelo vereador Luiz Sadeck, o Peninha, que falou sobre o objetivo da audiência, enfatizando que dali seria aprovado um documento que será entregue as autoridades e principalmente a ARCON, no sentido de rever as permissões provisórias das lanchas que fazem esta linha. Peninha criticou a  falta de respeito com a população da região que usa este transporte fluvial, alegando que a população tem o direito de escolher o que é melhor, mas seguro, com mais conforto e não simplesmente por ter uma permissão vamos ter que engolir uma lancha sem as mínimas condições de atender nossas necessidades. Não estamos aqui para defender empresário A ou B e sim defender o melhor para nossa população, concluiu o edil. 
Promotor de Justiça João Batista de Araujo
Acreditamos que a ARCON sensibilizada possa rever estas permissões provisórias até que seja realizada a licitação desta e de outras linhas na região. Lembrou que as lanchas que estão hoje fazendo esta linha, não atendem a demanda. Citou como exemplo, naquele momento em que se realizava a audiência, a saída da lancha Moreira da Silva, que deixou de embarcar mais de 30 passageiros por causa de sua capacidade. Estamos na contramão do tempo. Isto prejudica as pessoas, prosseguiu Peninha. No final de sua fala, Peninha entregou ao Promotor um abaixo assinado dos moradores desta região pedindo a volta da Lancha Ana Karollyne.
Os vereadores Isaac Dias e Iamax Prado, autores também da convocação da audiência, se manifestaram se mostrando preocupados com a retirada da lancha Anna Karollyne e em nome das populações que usam este transporte pediram providencias do Ministério Público e da ARCON.
Henderson Pinto (Vereador de Santarém)
O promotor de Justiça, João Batista, falou sobre a audiência que na semana passada foi realizada pelo MP em Santarém, sob o comando da promotora Maria Raimunda Noronha e que ficou decidido que dentro de 60 dias a ARCON lançara o edital da licitação desta linha Santarém-Itaituba. O MP está de portas abertas para atender as reivindicações da população e nós estamos trabalhando algum tempo nesta questão dos transportes fluvial e rodoviário da região, disse o promotor.
Dep Estadual Antonio Rocha
Vários foram os pronunciamentos, inclusive os proprietários das lanchas também se manifestaram. Os manifestantes reclamaram da retirada da lancha Anna Karollyne.
Erlon Rocha (Empresario)

No final da audiência, ficou acertado que será encaminhado copia da ata da reunião ao MP e a ARCON pedindo providencias no sentido que sejam concedidas permissões provisórias para as três empresas que fazem esta linha Santarém-Itaituba até a realização da licitação. Na segunda feira, está marcada uma reunião em Santarém, entre a ARCON e os representantes das três empresas de lanchas para tratar exatamente deste assunto.
Hilário Coimbra (Empresario)

Nenhum comentário:

Postar um comentário