RIO TAPAJÓS

quinta-feira, 20 de junho de 2013

TRANSPORTE FLUVIAL PRECISA DE MAIOR FISCALIZAÇÃO

Há anos se discute a questão do transporte fluvial na região, principalmente no trecho de Itaituba-Santarém-Itaituba. Porém, até hoje, pouca solução tivemos. As reclamações são diversas, como: preços das passagens, hoje controlada pela ARCON; atendimento no interior dos barcos; e assim  por diante.


Mais um grande problema que vem ocorrendo diariamente é com referência as encomendas, pois além dos preços abusivos que são cobrados, ainda tem os aproveitadores que usam da artimanha para se darem bem. Refiro-me a um caso que ocorreu comigo e que sempre se repete. Mandei um envelope tamanho oficio para Santarém e me cobraram R$ 10,00. O pior, é que paguei quando despachei aqui em Itaituba e quando chegou em Santarém, queriam cobrar novamente e se negaram a entregar a encomenda ao destinatário. Na hora, ninguém assume. Para a infelicidade dos oportunistas, eu tinha o comprovante do pagamento e ai foi rápido que entregaram o envelope.  Mas já teve casos em que uma única encomenda ser paga duas vezes. Isto está ocorrendo e precisa ser coibido. Quando a encomenda é entregue, basta colocar uma etiqueta PAGO ou então no Relatório constar que já está pago para evitar outros transtornos e constrangimentos para os usuários do meio fluvial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário